INFORMÁTICA EDUCATIVA

PESQUISAS PARA O FESTIVAL DO FOLCLORE

No período de agosto e parte do mês de setembro, os alunos da Educação de Jovens e Adultos realizaram atividades de pesquisa, produção textual e práticas de oralidade na Sala de Informática Educativa visando o Festival do Folclore

Sob a coordenação do professor José Carlos Oliveira e a orientação das professoras Roseane Souza (1ª Totalidade) e Antonia Barbosa (2ª Totalidade), os alunos pesquisaram sobre plantas medicinais, culinária paraense, lendas amazônicas, músicas folclóricas, as biografias de Waldemar Henrique e Antônio Tavernard, grandes expoentes da música e da poesia com temáticas amazônicas.



Profª Roseane Souza orientando a pesquisa















Profª Antonia Barbosa na roda de conversa sobre lendas urbanas de Icoaraci

Aluno Sandro Rocha exercita a oralidade: contação de lendas urbanas de Icoaraci









Aluno Carlos Alberto Monteiro (2ª Totalidade)
Exercício de oralidade: contação de lendas urbanas de Icoaraci

RECEITAS REGIONAIS

Receita de Tacacá


Tempo de preparo: 1 h 30 min
Rendimento: 10 porções
Dificuldade: moderada




Ingredientes da Receita de Tacacá

2 litros de tucupí
4 dentes de alho
Chicória
Alfavaca
1 colher de chá de sal
4 pimentas de cheiro
2 maços de jambu
1/2 kg de camarão salgado (seco)
1/2 xícara de goma de mandioca
Pimenta de cheiro
Como Fazer Tacacá

Modo de Preparo

Coloque em uma panela o tucupí, tempere com alho, chicória, alfavaca e sal, leve ao fogo e deixe levantar fervura. Baixe o fogo, tampe a panela e deixe cozinhar por 30 minutos.
Cozinhe o jambu em água quente, até que os talos ficarem macios, retire, escorra e reserve.
Retire a cabeça do camarão e deixe de molho em uma vasilha com água para retirar o sal.
Ferva 4 xícaras de água com sal a gosto, dissolva a goma em uma vasilha com água fria, acrescente ao poucos na água fervendo, até ficar um mingau grosso.
Sirva em uma cuia nesta sequência: duas colher de sopa de tucupi, uma concha de goma, uma concha de tucupi, algumas folhas de jambu e 5 camarões, sal e pimenta a gosto.
Na falta da goma de mandioca pode ser usado o polvilho azedo.
Fonte: http://www.receitastipicas.com/receitas/para/

Receita de Maniçoba



Tempo de preparo: 3 dias
Rendimento: 25 porções
Dificuldade: moderada




Ingredientes da Receita de Maniçoba

3 kg de folha de maniva moída (mandioca brava)
1/2 kg de toucinho
1/2 kg de charque(carne seca)
1/2 kg de linguiça portuguesa
1/2 kg de paio
1/2 kg de lombo de porco
1/2 kg de orelha de porco
1/2 kg de rabo de porco
Alho picado a gosto
Pimenta de cheiro a gosto
Como Fazer Maniçoba (Pará)

Modo de Preparo

No 1º dia, coloque a folha da maniva moída numa panela grande com bastante água. Deixe ferver durante todo o dia em fogo brando, sem deixar secar.
No dia seguinte, coloque o toucinho e deixe ferver.
No 3º dia, escalde todas as carnes e coloque na panela da maniva para ferver. Mexa de vez em quando.
No dia seguinte, acrescente o alho e a pimenta, deixe ferver por mais 6 horas, mexendo de vez em quando.
Sirva com arroz branco e farinha de mandioca crua.
Fonte: http://www.receitastipicas.com/receitas/para/

Receita de Doce de Cupuaçú

Tempo de preparo: 30 min
Rendimento: 16 porções
Dificuldade: fácil




Ingredientes da Receita de Doce de Cupuaçu

5 xícaras de polpa de cupuaçu picada
5 1/2 xícaras de açúcar
Como Fazer Doce de Cupuaçú

Modo de Preparo

Em uma panela, coloque o cupuaçu e o açúcar.
Misture bem e leve ao fogo alto.
Deixe cozinhar, mexendo sempre, até o doce se desprender do fundo da panela.
Tire do fogo e deixe esfriar.
Fonte: http://www.receitastipicas.com/receitas/para/

Receita de Arroz de Jambu

Tempo de preparo: 15 min
Rendimento: 03 porções
Dificuldade: fácil




Ingredientes da Receita de Arroz de Jambu

1 colher (sopa) de manteiga
2 dentes de alho picados
1 cebola média picada
1 xícara de arroz
1 xícara de folhas de jambu
Sal a gosto
Como Fazer Arroz de Jambu

Modo de Preparo

Numa panela coloque a manteiga, refogue o alho e a cebola até começarem a dourar.
Junte o arroz e refogue por mais alguns minutos.
Adicione 2 xícaras de água fervente, tempere e cozinhe em fogo médio, até o arroz ficar macio e cozido.
Lave as folhas de jambu e coloque numa panela com água fervente. Escorra, pique e misture com o arroz.
Fonte: http://www.receitastipicas.com/receitas/para/

Receita de Caruru Paraense


Rendimento: 6 porções
Tempo de preparo: 40 minutos
Dificuldade: Média



Ingredientes

1kg de camarões secos
3 litros de água
1 xícara (chá) de azeite de dendê
2 cebolas picadas
5 alhos picados
2 tomates picados
3 pimentas verdes picadas
6 folhas de alfavaca picadas
6 folhas de chicória picadas
1/2 maço de coentro
1 pimenta de cheiro
1kg de quiabo cortado em rodelas
500g de farinha de mandioca fina
Sal a gosto

Modo de preparo

Lave os camarões em água corrente 2 vezes.
Escalde-os em 3 litros de água.
Reserve o camarão a a água.
Em uma panela, aqueça o azeite de dendê e refogue as cebolas e o alho.
Quando o alho começar a dourar, junte os tomates, as pimentas verdes, a alfavaca, a chicória, o coentro e a pimenta de cheiro, sem tirar o cabinho e sem amassar.
Junte os camarões e mexa.
Junte a água reservada e deixe levantar fervura.
Adicione o quiabo e mexa com cuidado, para não se desfazer.
Hidrate a farinha de mandioca em 2 xícaras (chá) de água e coloque-a na panela aos poucos, até dar o ponto.
Acerte o sal e sirva sobre uma camada de arroz. 
Fonte: http://www.comidaereceitas.com.br/salgados/caruru-paraense.html#ixzz3AE8AM8iq

Texto: José Carlos Oliveira
Imagens: Aline Ellen Fontes José Carlos Oliveira
Postado por Prof. José Carlos Oliveira


PROJETO DE LEITURA, INTERPRETAÇÃO E PRODUÇÃO TEXTUAL

Projeto de autoria da professora Glauce Antunes (Sala de Leitura), a ser desenvolvido em parceria com as disciplinas Língua Portuguesa e Artes e com suportes da Sala de Informática Educativa e da Oficina de Torno. Tem por objetivo geral "aperfeiçoar habilidades de leitura, interpretação e produção textual oral e escrita dos alunos de 1ª a 4ª totalidades, da Educação de Jovens e Adultos – EJA, do Liceu Escola de Artes e Ofícios Mestre Raimundo Cardoso".

Nos dias 05 e 06 de fevereiro, apesar da chuva, que motivou a ausência de muitos alunos, o projeto foi apresentado às turmas de 1ª, 2ª e 3ª Totalidades.

Na parceria com a Sala de Informática Educativa, coordenada pelo professor
José Carlos Oliveira, estão previstas as integrações dos projetos Jornal Escolar e Rádio Escolar e a produção de vídeos.


Professora Glauce Antunes, da Sala de Leitura




Texto e imagens: Prof. José Carlos
Postado por Prof. José Carlos

ALFABETIZAÇÃO E INCLUSÃO DIGITAL

Ontem, 04 de fevereiro de 2014, apesar da chuva e da inundação do entorno do Liceu Escola, foram iniciadas as atividades da Educação de Jovens e Adultos na Sala de Informática Educativa.
A primeira turma atendida foi a da 1ª Totalidade (141), regida pela professora Marluce Amaral.
A turma é constituída por alunos que estiveram, em sua maioria, fora da Escola por muito tempo e que tiveram pouco ou nenhum contato com computadores. Assim, as primeiras atividades foram de apresentação das máquinas, manuseio do mouse e do teclado e ensaio das primeiras produções textuais.
Foi muito interessante observar o entusiamo dos alunos no contato com os computadores, corroborando o que diz Emilia Ferreiro (em trecho do vídeo do Programa de Formação de Professores Alfabetizadores (Profa), do MEC) sobre o uso do computador na alfabetização de adultos:

"Quando se oferece a um adulto que está num curso de alfabetização a possibilidade de utilizar outro tipo de instrumento técnico para produzir escrita, e estou pensando especialmente num teclado, teclado de máquina de escrever, teclado de um computador, que não precisa ser muito sofisticado, esse adulto pode tentar fazer coisas com mais entusiasmo que quando lhe propomos que escreva com um lápis ou uma caneta. Por quê? Porque de repente pode sentir que lhe estaremos permitindo imediatamente, sem intermediários, o acesso a uma tecnologia que tem prestígio. (FERREIRO, transcrição de vídeo).
Para ver o vídeo, clique no link











Fonte: http://www.youtube.com/watch?v=5nKv1mcRqQE
Texto: Prof. José Carlos
Postado por Prof. José Carlos

Nenhum comentário:

Postar um comentário