sábado, 25 de junho de 2011

Projeto PRESERVAR O MEIO AMBIENTE É PRESERVAR A VIDA


A professora de Informática Educativa do Liceu, Cristina Pinheiro, com as parcerias dos  professores Andson (Ciências), Arinete (SIE) e Priscila (Biblioteca), está desenvolvendo o projeto Preservar o meio ambiente é preservar a vida, cujo objetivo é “fazer do lar um exemplo e da escola um centro de mudanças de valores, hábitos e atitudes”.
O projeto, envolvendo os alunos do CIII, está dividido em 4 fases. A sensibilização foi feita com a exibição do vídeo do discurso pronunciado durante a ECO 92, no Rio de Janeiro, pela jovem Severn Suzuki, representante de uma organização canadense de jovens que defendem o meio ambiente; a seguir, foram exibidos o vídeo “Carta de 2070” e a letra da música “Planeta Água” (Guilherme Arantes). Na fase seguinte, os alunos realizaram pesquisas na internet e produziram textos sobre o tema.
O projeto será concluído no 2º semestre.
Texto e fotos: Profª Cristina
Revisão e postagem: Prof. José Carlos 




quinta-feira, 23 de junho de 2011

ECO 92 - DISCURSO DE SEVERN SUZUKI

video

INCLUSÃO DIGITAL DE ALUNOS SURDOS


Segundo dados da Organização Mundial de Saúde, 10% da população mundial tem algum deficit auditivo. Já a chamada "surdez severa" incide em uma em cada mil pessoas nos países desenvolvidos e em quatro em cada mil nos países subdesenvolvidos. No Brasil, calcula-se que 15 milhões de homens e mulheres tenham algum tipo de perda auditiva e que 350 mil nada ouçam.
Se a deficiência aparece já nos primeiros anos de vida, poderá causar distúrbios ou atrasos na aquisição de linguagem, além de problemas no desenvolvimento intelectual e de aprendizado.
Prof. Paulo Santarém, Aluna Marcilene e a Intérprete Cássia Mendes
No Liceu Escola, há quatro alunos que apresentam “surdez severa”, atendidos pela SRM (Sala de Recursos Multifuncionais), e que foram motivo de preocupação do professor de Geografia Paulo Santarém quanto à aprendizagem. Neste sentido, desde o início deste ano letivo o professor vem desenvolvendo atividades na Sala de Informática Educativa visando oportunizar a inclusão digital a esses alunos. Durante essas atividades, percebeu que incluí-los no mundo das TICs é uma tarefa complicada, que demanda ajuda de especialistas. Assim, solicitou apoio da intérprete de LIBRAS, da SEMEC, Cássia Mendes, que esclareceu os motivos da dificuldade: “para que o aluno surdo seja compreendido e compreenda a área tecnológica, ele necessita conhecer sua primeira língua, que é a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais). É importante, também, que seja trabalhado o visual com o aluno surdo, pois a sua língua é viso-espacial e o contato com o visual facilita seu aprendizado”.
Texto e Imagens: Prof. José Carlos.

Aluna Marcilene

segunda-feira, 20 de junho de 2011

Etnoconexão entre Matemática e Arte


Matemática e Arte caminhando juntas, aliando razão, precisão, sensibilidade, imaginação e técnica ao diálogo estético, é um dos grandes desafios da proposta pedagógica do projeto Geometria e o grafismo marajoara: conexão ente o saber e o fazer.
Neste sentido, vinte alunos envolvidos no projeto, selecionados através de um concurso de criação artísticas sobre a releitura do grafismo marajoara, vivenciaram a prática em uma Oficina de Pintura em Tela, ministrada pelo artista plástico Milton Soeiro, nos dias 01, 02 e 03/06/11, com carga horária de 10 horas.
Na ação, os discentes fizeram uma reinterpretação do grafismo marajoara – ornamento com forte influência de desenhos geométricos –, produzindo criações artísticas em telas de pintura.
A oficina ocorreu em três etapas. Na primeira, os alunos esboçaram três figuras geométricas em papel sulfite – quadrados, retângulos e circunferências – dentro das quais desenharam um vaso, tentando ocupar todo o espaço de cada figura e, a seguir, decoraram-nas com elementos dos trabalhos produzidos em sala e selecionados para a oficina. Na segunda etapa, desenharam três vasos em papel A3, a partir da observação de modelos expostos no ambiente, os quais foram ornamentados com elementos dos grafismos de peças de cerâmica, de acordo com o olhar de cada aluno. Na última etapa, a partir da produção do dia anterior, foram selecionados recortes dos desenhos que, ampliados a lápis em telas de pintura de 50 x 50 cm, receberam acabamento com pincéis e tinta acrílica de cores variadas.









quinta-feira, 9 de junho de 2011

Aula-Passeio da EJA – Totalidades


No sábado passado (04/06), as três turmas das Totalidades participaram de uma aula-passeio nas jazidas de argila do Paracuri, ação integrante do projeto O Ba(i)rro do Paracuri, que tem entre os seus objetivos a produção de vídeos que mostrem o caminho percorrido pelo barro, desde a sua extração até a sua comercialização.
Quinze pessoas participaram da excursão, com destaque para o Mestre Rosemiro, professor do Núcleo de Oficinas do Liceu, nascido na 1ª Rua de Icoaraci, profundo conhecedor da área do Paracuri – onde reside e mantém loja de produtos cerâmicos –, e donde é extraída a matéria-prima da cerâmica produzida no Distrito.
As turmas foram representadas por sete alunos e alunas, os quais tiveram a oportunidade de utilizar o mesmo meio de transporte utilizado pelos trabalhadores que extraem a argila, observar, extrair e conhecer o início do caminho dessa matéria-prima de produtos que chegam aos mais diversos países do mundo.
Texto e Imagens: Prof. José Carlos














quarta-feira, 8 de junho de 2011

FORMAÇÃO DE MONITORES AMBIENTAIS


Com o objetivo de capacitar 30 alunos dos Ciclos III e IV (5ª a 8ª séries) para ações educativas na escola e na comunidade e, assim, contribuir para a melhoria do ambiente escolar e do mundo, foi realizado o Curso de Formação de Monitores, no período de 1 a 5 de março de 2010, com carga horária de 20 horas.
Neste ano, com as parcerias e contribuições do PDE/Escola, do IFPA- Tecnologia em Saneamento Ambiental, da Agência Distrital de Icoaraci e da SEMA, os professores de CIII e CIV, a Direção, a Coordenação Pedagógica e o Conselho Escolar, estão desenvolvendo o projeto Formação de Monitores Ambientais, com a meta de envolver a totalidade dos alunos de CIII e CIV (5ª a 8ª séries) em ações socioeducativas na Escola e Comunidade.
Profª Edna Santos
Segundo a professora Edna Santos, os objetivos do projeto, desenvolvido através de seminários, palestras, oficinas, vídeos, debates, aplicação de questionários e visitas institucionais, são: estimular nos discentes o desenvolvimento de atitudes e valores relativos a importância do papel do cidadão, assessorar os educadores nas ações pedagógicas no cotidiano da escola com vistas a desenvolver autonomia, responsabilidade, espírito crítico e cooperativo, estimular os alunos a agirem como articuladores entre os professores e as turmas no sentido de contribuir para melhorar a comunicação, realizar tarefas que promovam a conscientização dos colegas de turma e de turnos em relação aos cuidados necessários com o ambiente da escola.
Texto: Prof. José Carlos.






quarta-feira, 1 de junho de 2011

Visita ao Museu da UFPA

Museu da UFPA

O Liceu Escola de Artes e Ofícios ”Mestre Raimundo Cardoso” proporcionou aos alunos do CFIV-1º Ano, através do projeto Geometria e o grafismo marajoara: conexão entre o saber e o fazer, uma atividade pedagógica maravilhosa, de acordo com relato dos mesmos, que foi a ida ao Museu da UFPA para visitarem a exposição fotográfica Crônicas Urbanas, referente ao “II Prêmio Diário Contemporâneo de Fotografia”. Os alunos observaram todo o trabalho, com orientação de monitores, participaram também de bate-papos e oficinas relacionadas à história da fotografia, nos dias 24/03 e 13/05.


Texto e fotos: Profª Rosângela Dantas









.